Ir direto para o conteúdo

Tipos de celulite: entenda e combata essa condição tão comum

A celulite é uma doença de pele comum que afeta muitas pessoas, especialmente mulheres. Embora não represente um risco para a saúde, pode afetar a confiança e o bem-estar de quem a sofre.

Mas você sabia que existem diferentes tipos de celulite? Pois é, e é importante conhecê-los para saber como lidar com eles.

1. Celulite edemaciada

A celulite edematosa é caracterizada pelo acúmulo de líquidos e toxinas nos tecidos. Geralmente afeta pernas e coxas e pode apresentar sintomas como inchaço, sensação de peso e alterações na textura da pele. Se não for tratada adequadamente, com o passar dos anos pode degenerar em varizes.

Para tratar a celulite edemaciada, recomenda-se:

  • Dieta balanceada: Coma alimentos ricos em fibras, frutas e vegetais e evite alimentos processados ​​ricos em sal.
  • Hidratação adequada: Beba bastante água para ajudar a eliminar toxinas e promover a circulação.
  • Atividade física: Pratique exercícios regularmente para melhorar a circulação e fortalecer os músculos.
  • Massagens linfáticas: Estimulam o sistema linfático e ajudam a drenar o excesso de líquido acumulado nos tecidos.
  • Evite o sedentarismo: Evite ficar muito tempo na mesma posição, principalmente se isso envolver ficar sentado ou em pé por longos períodos.

2. Celulite adiposa

A celulite adiposa é o tipo de celulite mais comum e está relacionada ao acúmulo de tecido adiposo, ou seja, gordura. É frequentemente encontrada em áreas onde há excesso de gordura, como abdômen, nádegas e coxas.

Para tratar a celulite adiposa, recomenda-se:

  • Exercício regular: Realize atividades cardiovasculares como correr, nadar ou andar de bicicleta para queimar gordura e melhorar a circulação.
  • Alimentação saudável: Siga uma dieta balanceada e reduza o consumo de alimentos gordurosos, açúcares refinados e alimentos processados.
  • Tratamentos estéticos: Alguns tratamentos estéticos como lipoaspiração, criolipólise e radiofrequência podem ajudar a reduzir a gordura e melhorar o aspecto da celulite.

3. Celulite fibrosa

A celulite fibrosa é caracterizada pela formação de nódulos de tecido fibroso sob a pele. Esses nódulos podem causar aparência de casca de laranja e são mais comuns nas coxas e nádegas.

Para tratar a celulite fibrosa, recomenda-se

  • Exercício combinado: Combine exercícios cardiovasculares com exercícios de força para tonificar os músculos e quebrar nódulos fibrosos.
  • Massagens profundas: massagens profundas e terapia do tecido conjuntivo podem ajudar a suavizar os nódulos e melhorar a aparência da pele afetada.
  • Tratamentos tópicos: Alguns cremes e loções com ingredientes como cafeína, retinol e centella asiática podem ajudar a melhorar a aparência da celulite fibrosa.

4. Celulite mista

A celulite mista é uma combinação dos diferentes tipos de celulite mencionados acima. Geralmente apresenta características de celulite edematosa, adiposa e fibrosa. O tratamento da celulite mista pode exigir abordagens combinadas, como mudanças na dieta, exercícios regulares, tratamentos tópicos e procedimentos cosméticos.

Para tratá-lo:

  • Combinação de abordagens: A celulite mista pode exigir uma combinação dos tratamentos acima mencionados, adaptados às características específicas de cada tipo de celulite presente.
  • Consulta profissional: É aconselhável consultar um médico ou especialista em estética para obter recomendações personalizadas e estabelecer um plano de tratamento adequado ao seu caso específico.

 

Radiofrequência corporal em casa e celulite

A radiofrequência estética é um tratamento comumente utilizado para tratar a celulite. Utiliza energia de radiofrequência para aquecer as camadas mais profundas da pele e estimular a produção de colágeno, o que ajuda a melhorar a aparência da celulite e a textura da pele.

Pode ser usado no tratamento de qualquer tipo de celulite, pois não só ajuda a promover a formação de colágeno para melhorar a aparência, mas também ajuda a reduzir a gordura e a melhorar a circulação linfática e sanguínea.

Também tem dupla utilidade, pois para aplicar a radiofrequência corporal é necessário aplicar cremes específicos, como o creme RF Body Slim que, além de ser condutor para poder aplicar a radiofrequência, é formulado especificamente para tratar a celulite.

Quer saber como a radiofrequência corporal ajuda no tratamento da celulite? , não deixe de ler nosso blog!

Plug-ins adicionais

Você também pode usar suplementos dietéticos formulados para tratar e prevenir a celulite. Estes suplementos ajudam a potenciar a perda de gordura mas devemos lembrar que não são milagrosos, devem ser aliados a um estilo de vida saudável. Como é o caso do Oral Slim , suplemento alimentar que contém laranja amarga, chá verde e videira vermelha entre outros princípios ativos que auxiliam na redução da celulite.

Como nos explica a nutricionista Berta Vilalta em: Combata a celulite com suplementos alimentares.

Em geral, para tratar qualquer tipo de celulite, é necessário manter um estilo de vida com bons hábitos, como nos dizem o Dr. Pérez e Pol Julián em Como prevenir, tratar e eliminar a celulite.

Carrinho

Seu carrinho está vazio.

comece a fazer compras

Selecione as opções